Get Adobe Flash player
Nosso Endereço:
Rua Riachuelo, 693 - Ponta Grossa - Pr
Telefone: (42) 3224-1632
E-mail: recados@iecdpg.org.br
Localize no Google Maps
Assine por e-mail:

Digite seu endereço de email para assinar este site e receber notificações de novas publicações por email.

Pedido de Oração:
Pedidos de Oração
Previsão do tempo:
Arquivo

Amor acolhedor

Pr. Jacson Irio Andrioli

Hoje é um culto especial, aliás todos os cultos são especiais, pois a presença de Deus e de seu Espírito tornam o culto um momento único e especial. Mas hoje, de modo especial quero lhes falar sobre o amor!

Estamos vivendo dias em que o amor tem ficado escasso. Já a impunidade, a violência, a intolerância e a dureza do coração tem falado mais alto. Mas,  o Senhor Jesus morreu na cruz do calvário para que seus seguidores, os que se dizem filhos de Deus fossem diferentes.

“Respondeu Jesus: Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu coração, de toda a sua alma e de todo o seu entendimento. Este é o primeiro e maior mandamento. E o segundo é semelhante a ele: Ame o seu próximo como a si mesmo.” (Mateus 22:37-39)

Irmãos, falar dos mandamentos é fácil, vivê-los todos os dias é que se torna difícil! Eu e você sabemos que existem pessoas que são mais difíceis de se relacionar, mas é pelo fato de que muitas vezes vemos nelas os nossos erros e falhas. Sabe o que pode ser feito para mudar esta situação? Olhar para elas com os olhos de Deus: olhos de amor, olhos de perdão, olhos de misericórdia. Somente assim conseguiremos ver Deus nas outras pessoas e o potencial que Ele tem em mudar vidas. Lembre-se que assim como nós vemos os outros somos vistos!!!!

Jesus em seu mandamento nos disse para amar os outros como a nós mesmos. Como você gosta de ser amado ou tratado? Com respeito. Queremos ser notados, reconhecidos, nos sentir parte do grupo, queremos ser chamados, queremos ser amados… Jesus deu muita importância aos relacionamentos através do segundo mandamento: “Ame o seu próximo como a si mesmo”. E a igreja é o lugar adequado para iniciarmos bons relacionamentos.

Queridos, temos uma promessa do Senhor para nós e nossa igreja, mas se quisermos alcançar esta promessa vamos depender da ação do Espirito Santo, gerando entendimento em nossos corações e atitudes a respeito de dois pontos:

1. O amor a Deus deve ser vivido, na forma de devoção, dependência e fé. Assim veremos a unidade em nosso meio. Muitas coisas conquistam nossos corações e a disputa entre Deus e as outras coisas para assumir o primeiro lugar é grande. Para refletirmos: se deixarmos Deus de lado, automaticamente deixamos de lado nossa fé, passando a estar distantes do Senhor da Vida. Com o distanciamento vamos ficando mais frios espiritualmente e pouco nos importamos com Deus e com as outras pessoas.

  • O amor a Deus para o autêntico filho de Deus, é o que o move para vir ao Culto, levantar sua voz em adoração e gratidão por tudo o que tem;
  • O amor a Deus é o que move o filho de Deus a testemunhar, a fazer boas obras,  a reconciliar-se;
  • É o amor a Deus que faz um filho de Deus ir atrás de um irmão que está afastado;
  • O amor a Deus é o que me leva a buscar respostas na bíblia pra minha vida e família;
  • O amor de Deus é o que me dá segurança em tempos de crise;
  • O amor de Deus é o que me da paz em meio às duvidas do desconhecido;
  • O amor de Deus é o meio que temos de viver nossa vida aqui até a chegada do Senhor Jesus para nos levar ao céu!

2. O amor ao próximo é que vai nos ajudar a atrair pessoas para mais perto de Deus.

Vamos ler Tiago 2 . 1-17.

“1 Meus irmãos, vocês que crêem no nosso glorioso Senhor Jesus Cristo, nunca tratem as pessoas de modo diferente por causa da aparência delas. 2 Por exemplo, entra na reunião de vocês um homem com anéis de ouro e bem vestido, e entra também outro, pobre e vestindo roupas velhas. 3 “Digamos que vocês tratam melhor o que está bem vestido e dizem: “Este é o melhor lugar; sente-se aqui”, mas dizem ao pobre: “Fique de pé” ou “Sente-se aí no chão, perto dos meus pés. ”” 4 Nesse caso vocês estão fazendo diferença entre vocês mesmos e estão se baseando em maus motivos para julgar o valor dos outros. 5 Escutem, meus queridos irmãos! Deus escolheu os pobres deste mundo para serem ricos na fé e para possuírem o Reino que ele prometeu aos que o amam. 6 No entanto, vocês desprezam os pobres. Por acaso, não são os ricos que exploram vocês e os arrastam para serem julgados nos tribunais? 7 São eles que falam mal do bom nome que Deus deu a vocês. 8 Se vocês obedecerem à lei do Reino, estarão fazendo o que devem, pois nas Escrituras Sagradas está escrito: “Ame os outros como você ama a você mesmo. ” 9 Mas, se vocês tratam as pessoas pela aparência, estão pecando, e a lei os condena como culpados. 10 Porque quem quebra um só mandamento da lei é culpado de quebrar todos. 11 Pois o mesmo que disse: “Não cometa adultério” também disse: “Não mate”. Mesmo que você não cometa adultério, será culpado de quebrar a lei se matar. 12 Falem e vivam como pessoas que serão julgadas pela lei que nos dá a liberdade. 13 Quando Deus julgar, não terá misericórdia das pessoas que não tiveram misericórdia dos outros. Mas as pessoas que tiveram misericórdia dos outros não serão condenadas no Dia do Juízo Final.  14 Meus irmãos, que adianta alguém dizer que tem fé se ela não vier acompanhada de ações? Será que essa fé pode salvá-lo? 15 Por exemplo, pode haver irmãos ou irmãs que precisam de roupa e que não têm nada para comer. 16 Se vocês não lhes dão o que eles precisam para viver, não adianta nada dizer: “Que Deus os abençoe! Vistam agasalhos e comam bem. ” 17 Portanto, a fé é assim: se não vier acompanhada de ações, é coisa morta. “

Nos  versículos 1 a  13 vemos Tiago tratando sobre a acepção de pessoas ou favoritismo, infelizmente em alguns momento agimos assim. Mas aqui está se falando do pecado da parcialidade. Já o amor deve ser manifestado de forma incondicional.

A lei real (verso 8 ) nos diz: “Não te vingarás nem guardarás ira contra os filhos do teu povo; mas amarás o teu próximo como a ti mesmo. Eu sou o Senhor” (esta é uma lei que nos foi dada pelo próprio Senhor  e que Tiago esta repetindo,  versículo de Levítico 19.18).

  • O AMOR NÃO FAZ ACEPÇÃO DE PESSOAS (Tg 2:1-7) Base do amor: Somos irmãos na família de Deus, temos o mesmo Pai e cremos em Cristo Jesus. Fé não combina com FAVORITISMO – o amor nivela todos (ricos e pobres) sob os olhos do acolhimento por igual. (I Co1:26-29, Gl 2:10)
  • O AMOR NÃO TRANSGRIDE A LEI DE DEUS (Tg 2:8-13) Como acolher?  Amar como gostaríamos de ser amados (lei real). O que a acepção faz?  Nos torna réus de culpa  Nos priva da misericórdia (Mt 5:7)
  • O AMOR AGE ( Tg 2:14-17) A verdadeira fé resulta em ações concretas. O gesto de acolher é a única forma de traduzirmos o amor acolhedor do Pai.

1. Reconheça o amor de Deus que foi derramado em sua vida.
2. Enfrente os obstáculos do seu próprio coração: a insensibilidade, a dureza e o favoritismo.
3. Decida ser um canal do amor de Deus.
4. Demonstre o amor de Deus de forma concreta – com gestos, aproximação, doação, oração,

Para refletir: Uma fé que só está na cabeça é uma fé morta!!!
Era uma vez um velho vaso desgastado pelo tempo e quebrado pela vida, mas um dia retornou às mãos daquele que o fizera. Ele juntou tudo e fez do velho vaso um novo, como se fosse o primeiro dia, não merecendo nada o Oleiro fez morada nele, derramou do seu próprio Espírito, enche-o com seu amor eterno que o tornou em um vaso de honra. Agora o vaso de honra se inclina para honrar o seu Criador!
Qual é a ou as lições que este texto de Efésios nos dão sobre como nos relacionar com os outros?
Que nota você se daria em relação ao “ame o seu próximo como a si mesmo”?
Qual é a relação entre fé e obras de acordo com Tiago?

Conclusão:
Quem você vai acolher nesta semana?
Convide alguém aqui da igreja para ir na sua casa;
Compartilhe um versículo, um panfleto com alguém que faz tempo que não fala, seja no face, watts, ou qualquer outra rede social, demonstre seu amor a Deus e deixe Ele te usar.
Faça algo por alguém, conhecido ou não!
Seja um acolhedor e uma acolhedora, o Reino de Deus é feito por pessoas que ajuntam e não por pessoas que espalham!
Lembre-se: Tiago usa estas palavras para nos recordar que somos chamados a amar e a servir!

Aniversariantes:
SETEMBRO:
02/09 - Diego
02/09 - Fernanda
08/09 - Fran
13/09 - Simone Jéssica
13/09 - Josefina
20/09 - Carlos Roberto
21/09 - Valdi
21/09 - William B.
22/09 - Silmara
26/09 - Boniek

DATAS COMEMORATIVAS:
07/09 - Independência do Brasil
15/09 - Aniversário de Ponta Grossa
Estatísticas do site:
Site criado em 23/02/2007.

Ano de 2017:
114.003 visitas
Visitantes hoje: 5
Usuários Online: 0
Seu IP: 107.20.10.203