Get Adobe Flash player
Nosso Endereço:
Rua Riachuelo, 693 - Ponta Grossa - Pr
Telefone: (42) 3224-1632
E-mail: recados@iecdpg.org.br
Localize no Google Maps
Assine por e-mail:

Digite seu endereço de email para assinar este site e receber notificações de novas publicações por email.

Pedido de Oração:
Pedidos de Oração
Previsão do tempo:
Arquivo

Vida em comunidade

Pr. Jacson Irio Andrioli

Nesta noite em que  celebramos a Ceia do Senhor, quero compartilhar um pouco com os irmãos sobre  a vida e vivência em comunidade.  A Ceia foi instituída como uma memorial para o cristão convicto de que Jesus morreu em seu lugar, mas também podemos perceber que é um momento de comunhão com o corpo de Cristo (igreja) e o Senhor, bem como um momento de comunhão entre os irmãos.

Sendo assim, ao observarmos os textos de Atos vemos alguns detalhes que hoje em dia não se costumam mais fazer…

“E todos continuavam firmes, seguindo os ensinamentos dos apóstolos, vivendo em amor cristão, partindo o pão juntos e fazendo orações. Os apóstolos faziam muitos milagres e maravilhas, e por isso todas as pessoas estavam cheias de temor. Todos os que criam estavam juntos e unidos e repartiam uns com os outros o que tinham.” (Atos 2.42 – 44)

Não quero ser hipócrita sobre este assunto, mas nos falta a vivência em comunidade. Nossos encontros podem passar dos simples encontros semanais no culto de celebração.Você recebeu um versículo ao chegar no templo hoje, o que este versículo fala ao seu coração neste momento??? E quanto ao texto de  Atos 2. 42-44,  que palavras te vem a mente?

  • Perseveravam
  • Doutrina
  • Comunhão
  • Partir do pão
  • Oração
  • Temor
  • Estavam juntos
  • Tinham tudo em comum

Estas são palavras e atitudes que podem mudar nossas vidas.

Você já deve ter lido alguns versículos com as palavras “uns aos outros”. A relação dos termos “uns-outros” (tradução de allelon, uma só palavra no grego) que expressa mutualidade, por sua vez significa: em que há reciprocidade ou troca. Mutuação, ações mútuas uns aos outros.

Estes versículos nos remetem a um relacionamento com os irmãos, de uns para com os outros. Eu não sou o melhor exemplo de uns aos outros, mas pretendo mudar esta realidade em minha vida. Percebo que muitas coisas acabam tirando os meus olhos das pessoas, infelizmente, mas sei de minhas responsabilidades como pastor, de olhar e cuidar da vida de cada um de vocês, bem como sei de minhas responsabilidades de filho de Deus e irmão de cada um de vocês.

Queridos irmãos, Deus em sua Palavra,  nos deixou instruções e um privilégio muito grande de vivermos uns com os outros. Para isso Deus nos deixou várias instruções de orar uns pelos outros, instruir uns aos outros, amar uns aos outros, exortar uns aos outros, suportar uns aos outros.

O mundo nos fala: “Você não precisa de ninguém!” E sabem de uma coisa, nós acreditamos nisso!!! Mas o Senhor, em seu maravilhoso plano de graça,  nos orienta a vivermos o “uns aos outros” novamente.

Perseverando…
Paulo escreve em I Coríntios 12, que a igreja é semelhante a um corpo, “Não podem os olhos dizer à mão, não precisamos de ti;” (v. 21a). Paulo escreveu também em Romanos 12.5, que todos são membros uns dos outros. Você não pode dizer não preciso deste ou daquele, pois precisamos uns dos outros.

Eu preciso de vocês tanto quanto vocês precisam de mim, e nós todos juntos precisamos de Jesus, o cabeça, para ordenar estes relacionamentos com o Espírito Santo fazendo as ligações e as lubrificações necessárias para que este corpo funcione bem e a glória seja dada a Deus Pai por isso. Por outro lado, se dissermos que não precisamos uns dos outros, automaticamente estamos dizendo: “Não preciso de Jesus, sou suficiente em mim mesmo”.

Irmãos, as pessoas precisam de pessoas, precisam de amigos, precisam de pastores precisam de professores, chefes, lixeiros, …pessoas  precisam de pessoas.  Deus nos olha lá do Céu e nos vê como indivíduos, mas não como ilhas, nos vê como indivíduos planejados para terem comunhão, andarem com pessoas, se relacionarem, viverem uns para os outros, manifestando a graça aqui na terra.  A propósito se formos para o céu iremos viver a eternidade com pessoas e então por que não nos relacionarmos com elas aqui e agora?

Se voltarmos nossos olhos para os textos bíblicos que nos falam uns aos outros, vemos:

  • Pessoas trazendo palavras de Deus para mim;
  • Pessoas trazendo amor de Deus para mim;
  • Pessoas trazendo ajuda para mim;
  • Pessoas se importando comigo.

Veja o privilégio da vida comunitária! Talvez existam palavras que precisam sair de nosso coração, mente e atitudes, como: Egoísmo, Individualismo, medo de se relacionar, “Ninguém tem nada a ver com minha vida!” mas se isso está afetando o corpo de Cristo tem tudo a ver!

Queridos, Deus será muito mais glorificado em e por sua igreja (comunidade) do que por indivíduos (pessoas isoladas). Sei que a vida em comunidade não é muito fácil, pois são pessoas com desejos, pensamentos e opiniões diferentes, mas isso será bem possível quando colocarmos nosso EU na cruz de Jesus Cristo para que o EU seja diminuído e o amor ao próximo, o amor uns aos outros aumente e toda a glória seja dada a Deus Pai. Meu desafio, é viver uma vida segundo os padrões no novo testamento.

Quero concluir este compartilhar com um versículo de Paulo:

“ A graça do Senhor Jesus Cristo, e o amor de Deus, e a comunhão do Espírito Santo sejam com todos vós”. (II Coríntios 13.13)

Acesse a página  MENSAGENS para ler outros artigos, estudos e mensagens. Temos muito conteúdo (são mais de 80 textos) para você conhecer e estudar sobre a Palavra de Deus.

Aniversariantes:
SETEMBRO:
02/09 - Diego
02/09 - Fernanda
08/09 - Fran
13/09 - Simone Jéssica
13/09 - Josefina
20/09 - Carlos Roberto
21/09 - Valdi
21/09 - William B.
22/09 - Silmara
26/09 - Boniek

DATAS COMEMORATIVAS:
07/09 - Independência do Brasil
15/09 - Aniversário de Ponta Grossa
Estatísticas do site:
Site criado em 23/02/2007.

Ano de 2017:
114.003 visitas
Visitantes hoje: 5
Usuários Online: 1
Seu IP: 107.20.10.203