Get Adobe Flash player
Nosso Endereço:
Rua Riachuelo, 693 - Ponta Grossa - Pr
Telefone: (42) 3224-1632
E-mail: recados@iecdpg.org.br
Localize no Google Maps
Assine por e-mail:

Digite seu endereço de email para assinar este site e receber notificações de novas publicações por email.

Pedido de Oração:
Pedidos de Oração
Previsão do tempo:
Arquivo

Caminhos para uma vida abençoada

Pr. Jacson Irio Andrioli

“Sejam vocês abençoados pelo Senhor. Abençoará os que temem ao Senhor do menor ao maior.” (Sl. 115:15 e 13).

Na Escola Bíblica, estamos estudando os acontecimentos do Êxodo, a saída do Povo de Israel do Egito, onde ficaram escravos por mais de 400 anos. Este momento em particular, tem uma importância muito grande para o povo de Deus da antiguidade e para nós vermos e refletirmos o quanto o homem é desobediente, mesmo vendo as maravilhas de Deus diante de seus olhos.

Hoje, pudemos perceber o quanto o ser humano é ingrato diante da ação graciosa do Senhor e isso nos faz ver que os textos de Êxodo relatam muito uma realidade que vivemos, a murmuração. Quero compartilhar com vocês sobre alguns pontos importantes da vida de Moisés que servem para nós crescermos em nossa fé e esperança.

Leitura: Êxodo 3.1-15

Introdução:

Temos aqui o encontro do próprio Deus, (vs. 4 e 6) com Moisés e seu chamado para libertar o povo judeu do Egito, no Monte Horebe (Monte Sinai – Dt. 5:2).

Este é um dos personagens da bíblia de quem mais temos informações biográficas: sabemos de sua infância, juventude, vida profissional, religiosa e familiar. Um dos maiores líderes de todos os tempos, sem dúvida uma vida abençoada por Deus. Foi um líder escolhido por Deus para libertar os israelitas da escravidão do Egito, para fazer ALIANÇA  com eles, para torná-los povo de Deus e nação independente e para prepará-los a fim de entrarem na terra prometida, Canaã.

Moisés nasceu de pais israelitas, mas foi adotado pela filha do faraó do Egito, onde foi educado. Após colocar-se ao lado de seu povo e matar um egípcio, fugiu para MIDIÃ, onde se casou com Zípora. Passados 40 anos, Deus o chamou e o pôs como líder da libertação do povo de Israel. Por mais 40 anos Moisés cumpriu o chamado de Deus e morreu às portas da terra de Canaã, no monte NEBO. Alguns estudiosos colocam a data da morte de Moisés em torno de 1440 a.C.

Veremos hoje apenas um fato na vida de Moisés. Deste maravilhoso acontecimento temos grandes lições para nosso relacionamento hoje para com o Senhor nosso Deus.

Para se tornar uma pessoa abençoada por Deus…

1. Moisés tinha uma vida familiar harmoniosa. (v. 1);“pastoreava o rebanho de seu sogro Jetro” . Veja como era o relacionamento familiar de Moisés. Leia Ex. 18:5-8. Havia diálogo, prazer em estar juntos, manifestações físicas de afeto.
Como que está sua vida em casa? Em que e como você está investindo?
Uma boa obra para este ano é ganhar sua família!!! 1 Tm. 5:8 – É muito sério o assunto.

2. Você precisa crer que Deus faz o impossível acontecer. (vs. 2-3).

Moisés viu a sarça que queimava sem ser consumida e pensou: “Que impressionante! Por que a sarça não se queima? Vou ver isso de perto.”
Há estudiosos, que falam de um arbusto com folhas brilhantes, mas que de forma nenhuma fazem jus a este texto extraordinário, o que aconteceu com a sarça era a presença de Deus.
*Jesus não realizou muitos milagres em sua terra por quê? Pela incredulidade das pessoas. Mt. 13:58.

3. Moisés foi pronto a obedecer. (vs. 4-5).”Eis me aqui!”

Ficar descalço era um sinal de respeito que era praticado na época, quando se entrava na casa das pessoas, palácios e lugares importantes.
*Esteja pronto porque em qualquer hora, em qualquer lugar Deus pode falar com você, esteja pronto para obedece-lo!

4. Temer a Deus. (v. 6b).

“Disse ainda: “Eu sou o Deus de seu pai, o Deus de Abraão, o Deus de Isaque, o Deus de Jacó”. Então Moisés cobriu o rosto, pois teve medo de olhar para Deus.”
Tem muita gente brincando com as coisas de Deus e até mesmo com o próprio nome de Deus.
Não brinque com Deus! Leve-o muito a sério.

5. Moisés sabia de suas limitações. (vs. 10-11).

“Quem sou eu para apresentar-me ao faraó e tirar os israelitas do Egito?”
– OBS: Não vejo neste texto, que Moisés foi covarde, antes foi um homem humilde, diante do imenso desafio. (Embora Deus o chame mais três vezes e ele sempre apresente outras situações:)
a. Aqui, limitações pessoais;
b. Teme a incredulidade do povo 4:1 ;
c. Falta-lhe eloqüência 4:10 e ;
d. Recomenda que outro fosse enviado 4:13.
Talvez você não se considere tão bom para servir a Deus, quero lhe dizer o seguinte:
“Deus escolheu as coisas loucas do mundo para envergonhar os sábios e escolheu as coisas fracas do mundo para envergonhar as fortes;” I Coríntios 1:27

6. Você precisa confiar plenamente que Deus está do seu lado. (v.12)

“Deus afirmou: Eu estarei com você.”
Moisés passou a ser o enviado do Deus todo Poderoso para uma missão muito grande, que nós quase não conseguiríamos imaginar se não fosse à riqueza dos detalhes e a certeza de sabermos que tudo foi possível porque Deus não abandonou a seu povo e nem a Moisés. Moisés tinha as credencias que lhe dariam a credibilidade, pois ele era um homem de linhagem judia, mas de criação egípcia e tinha um crime em suas costas. O Eu Sou esta te enviando.
– Quem quer ser íntimo de Deus, não leva a própria mensagem, mas entrega a mensagem do Senhor Deus (IAVÉ). V. 15.

Conclusão:

Vá meu irmão, minha irmã! Você é um enviado do EU SOU. A Afirmação enfatiza a auto existência ativa e dinâmica de Deus.
– Quem deseja ser abençoado por Deus, não leva a própria mensagem, mas entrega a mensagem do Senhor Deus (IAVÉ). V. 15.
“Disse também Deus a Moisés: “Diga aos israelitas: O SENHOR, o Deus dos seus antepassados, o Deus de Abraão, o Deus de Isaque, o Deus de Jacó, enviou-me a vocês. Esse é o meu nome para sempre, nome pelo qual serei lembrado de geração em geração.”
Você pode dizer: Moisés foi um abençoado, e eu? Sou um pecador, não posso ter intimidade com Deus, não sou como Moisés.
Aí é que você se engana, meu irmão!!!
Mesmo Moisés sendo um pecador (Ex. 2:11-14) Deus se revelou a Ele!
Tramou o crime;    Matou o egípcio;    Ocultou o cadáver;
E quase repetiu a dose…
Fugiu ao constatar a descoberta do assassinato: Ex. 2:14, mas ele mesmo afirmou “Certamente fui descoberto” .

Se Moisés vivesse nos nossos dias este crime teria a característica de um crime hediondo, certamente a pena de Moisés seria de 30 anos. Mas os planos de Deus são diferentes e ele ficou quarenta anos no deserto fugindo por causa deste crime. Pagou sua pena!

Mesmo assim, Deus Tinha um plano para vida de Moisés. Ao salvá-lo do afogamento na infância no rio, de livrá-lo da morte por este assassinato. Ao insistir em seu chamado.

Se você quer ter esta mesma bênção sobre sua vida, siga estes caminhos a partir de hoje… Invista o seu melhor para sua família.

  • Creia no impossível de Deus;
  • Viva uma vida de temor;
  • Seja obediente à voz de Deus;
  • Tenha temor diante do Senhor;
  • Seja humilde diante de Deus.

Acesse a página  MENSAGENS para ler outros artigos, estudos e mensagens. Temos muito conteúdo (são mais de 80 textos) para você conhecer e estudar sobre a Palavra de Deus.

Aniversariantes:
AGOSTO:
03/08 - Gisele
04/08 - Pedro R.
05/08 - Gabriele
09/08 - Beatriz F.
10/08 - Pr. Reinaldo
12/08 - William K.
13/08 - Aart
13/08 - Victor
14/08 - Paulo Ajuz
20/08 - Imanuelle
23/08 - Gabriel
27/08 - Joelson
28/08 - Frederic

DATAS COMEMORATIVAS:
Estatísticas do site:
Site criado em 23/02/2007.

Ano de 2017:
114.003 visitas
Visitantes hoje: 54
Usuários Online: 0
Seu IP: 18.232.53.231